Ovulação: para que serve a curva de temperatura?

Conteúdo

Ovulação e ciclo menstrual: por que medir a temperatura?

Analisar sua curva de temperatura permite que você verifique se oovulação aconteceu, Mas isso não é tudo. É também utilizado para detectar o seu período fértil, para saber rapidamente se está grávida ou para detectar alguns problemas quando a gravidez está atrasada. Para aproveitá-lo ao máximo, os médicos recomendam tomá-lo todos os dias durante pelo menos dois ciclos. Comece no primeiro dia do seu período e reinicie um gráfico a cada novo ciclo menstrual. Este também pode ser um método de contracepção natural.

Medindo sua temperatura: o método de monitoramento para detectar a ovulação

Tenha um termômetro (com Gálio ou digital) e use sempre a mesma técnica (oral ou retal de preferência, porque mais precisa) para medir sua temperatura ao longo do ciclo. Deve ser levado acordar, mesma hora todos os dias et antes de qualquer atividade e de preferência mesmo antes de colocar os pés no chão. Mas não entre em pânico, não é para o minuto também. Por outro lado, não ultrapasse um intervalo de meia hora mais ou menos porque os resultados podem ser falsificados.

Depois de registrada sua temperatura, anote-a em uma folha especial (seu ginecologista pode fornecer, caso contrário, você pode encontrá-la na Internet), colocando o ponto na caixa apropriada. Indique também os dias em que você faz sexo. Mencione sua menstruação, qualquer dor abdominal ou corrimento incomum, mas também qualquer evento que possa interromper o ciclo como um resfriado, infecção, noite ruim, acordar mais tarde que o normal ou tomar medicamentos. Finalmente, conecte os diferentes pontos juntos.

🚀Mais no tópico:  Corrimento vaginal: o que corrimento branco e corrimento marrom indicam

Qual a temperatura no momento e após a ovulação?

A forma de uma curva normal mostra duas placas de temperatura, separado por um pequena mudança de alguns décimos de grau (0,3 a 0,5 ° C) que sinaliza, a posteriori, que a ovulação ocorreu. Cada parte da curva é denteada. Isso é normal porque sua temperatura sofre pequenas variações de um dia para o outro. Desde o primeiro dia da menstruação até a ovulação (fase folicular), a temperatura corporal geralmente fica em torno de 36,5 ° C.

Saber

Esta fase folicular dura em média 14 dias, mas pode ser mais curta ou mais longa se seus ciclos forem menores ou maiores que 28 dias.

Em seguida, a temperatura sobe e dura cerca de 37 ° por 12 a 14 dias (fase lútea). É geralmente aceito que a ovulação é o último ponto baixo da curva antes da elevação térmica. Esse aumento de temperatura é devido a um hormônio, a progesterona. É secretado pelo corpo amarelo, resultante da transformação do folículo após a ovulação. Se não houver fertilização, o corpo lúteo degenera e a queda da progesterona faz com que sua temperatura volte ao normal, seguida de sua menstruação cerca de 14 dias após a ovulação. Falamos da fase lútea, que é mais fixa em termos de duração do que a fase folicular. Se um embrião se desenvolve, o corpo lúteo persiste e sua temperatura é mantida por mais de 16 dias.

Ciclos regulares permitem que você identifique o momento certo para ter um bebê. Os espermatozoides têm uma vida útil no trato genital feminino de até 5 dias para os mais fortes. O óvulo, por outro lado, não vive por mais de 24 a 48 horas na trompa. Para que isso funcione, você precisa fazer sexo antes da ovulação e durante a ovulação, mas não necessariamente depois.

🚀Mais no tópico:  Infertilidade: anomalias tubárias

Observe que os espermatozoides masculinos e femininos têm diferenças na velocidade e duração da vida no útero, o que aumenta as chances de ter um menino ou uma menina.

O que significa uma curva de temperatura plana?

Uma curva muito plana significa que não houve ovulação. Da mesma forma, uma fase lútea curta (menos de 10 dias) pode sugerir secreção insuficiente de progesterona, o que interfere na implantação adequada do embrião. Não hesite em falar com o seu ginecologista ou parteira se os seus ciclos forem irregulares ou se a sua fase lútea for muito curta.

Não se preocupe, mais exames e tratamento adequado geralmente podem corrigir essas disfunções ovarianas.

Em vídeo: a ovulação não ocorre necessariamente no 14º dia

Deixe um comentário